GRUPO HOTELEIRO ACCOR INTRODUZ PROGRAMA DE CONSCIENCIA AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE


QUADRADO.png  GRUPO ASSUME COMPROMISSO COM A CONSCIENTIZAÇÃO DO HÓSPEDE E INICIATIVAS DE SUSTENTABILIDADE

Cada vez mais consciente e engajada nas questões ambientais, a Accor vem lançando mão de ações globais em prol do meio ambiente. A empresa saiu na frente em 2018 e reduziu 70% do uso de canudos plásticos em seus hotéis após o lançamento da campanha “Canudo pra quê?”, que promete eliminar o canudo plástico de suas operações e fazer a sociedade se questionar quanto à necessidade dos canudos nas bebidas. Em 2019, a rede é pioneira, mais uma vez, na substituição das hastes flexíveis de plástico por hastes de papel, que são 100% biodegradáveis. Essa iniciativa acontece em parceria com a Realgems, fornecedor homologado da Accor na América do Sul.

SOFITEL BOGOTA.jpg
Drink servido no hotel Sofitel Bogotá Victoria Regia com misturadores de madeira. @ACCOR

Para este ano, o Grupo apresenta novos compromissos para incentivar a mudança comportamental no hóspede e fazer com que ele leve esse novo hábito sustentável e dissemine-o:

•        Substituir os misturadores de drinks por item sustentável;

•        Substituir os cotonetes de plástico por cotonetes de papel;

•        Substituir sacolas plásticas por item sustentável;

•        Erradicar copos de plástico e talheres descartáveis nos hotéis que usam esses itens para funcionários e convidados.

“O consumo consciente e a redução do uso de plásticos fazem parte da estratégia global da Accor. Portanto, entendemos que temos o dever de estimular a mudança comportamental em nossos hóspedes, colaboradores e fornecedores.”, comenta Antonietta Varlese, vice-presidente de Comunicação e Responsabilidade Social Corporativa Accor na América do Sul.


QUADRADO.png  IBIS STYLES ANHEMBI ENVOLVIDO EM PLANO DE AÇÃO PARA REDUÇÃO DE PLÁSTICO

Os hotéis têm, cada vez mais, se engajado com a causa e tomado medidas para a redução do material. O ibis Styles Anhembi, por exemplo, implementou um projeto piloto na América do Sul para reduzir itens de plástico: garrafas, sacolas de lavanderia, copos e sacolas utilizadas no bar, sacos de lixo, potes de iogurte, entre outros itens. A meta é reduzir 20% do lixo gerado pelo hotel e substituir 30% do plástico por materiais biodegradáveis até o final de 2019. Com essa mudança, mais de 22 mil copos descartáveis, 12 mil sacolas plásticas e 18 mil garrafas plásticas de água deixarão de poluir o meio ambiente por ano.


QUADRADO.png  BAMBU E VIDRO AGORA SÃO OS PROTAGONISTAS DA MUDANÇA DE PADRÕES EM BOGOTÁ NA COLÔMBIA

O Sofitel Bogotá Victoria Regia também já aplicou diversas mudanças. Em 2018, eliminou os agitadores de bebida de plástico e agora utiliza os feitos por bambu, e as garrafas de água são de vidro. O hotel também tem desafiado fornecedores a trazerem alternativas sustentáveis e sem plástico, atuando, principalmente, na mudança de paradigmas, como no caso das pantufas, que deixaram de ser embaladas individualmente em sacos plásticos.


QUADRADO.png  MERCURE SÃO PAULO JÁ COLHE OS BONS FRUTOS EM NÚMEROS EXPRESSIVOS

Já o hotel Mercure São Paulo Jardins substituiu as garrafas plásticas utilizadas no restaurante e nos eventos por jarras de vidro. O resultado foi positivo, com grande aceitação dos clientes e reduziu o descarte de 50 mil garrafas plásticas no ano.