DIA DE SÃO PATRÍCIO NA IRLANDA


SP.png


QUADRADO.png  S A I B A   M A I S  

O Dia de São Patrício  – em inglês: Saint Patrick’s Day – é a festa anual que celebra a morte de São Patrício, padroeiro da Irlanda, e é normalmente comemorado no dia 17 de Março pelos países cujo idioma oficial é inglês. As pessoas vestem-se de trajes verde e branco, saindo às ruas numa longa caminhada festiva.

O primeiro “Saint Patrick’s Festival” foi realizado no dia 27 de Março de 1997. Em 1999 tornou-se um evento de três dias e em 2000 foi um evento de quatro dias. Em 2006, o festival durou 10 dias.

Uma vertente segue a linha de que o Dia de São Patrício não surgiu na Irlanda, e sim nos Estados Unidos, onde os imigrantes irlandeses começaram a festejá-lo a partir de 1700, para manter suas raízes vivas. A presença dos irlandeses ficou ainda mais forte em 1800, quando a grande caristia fez com que muitos deixassem suas terras. Atualmente, mais de 40 milhões de americanos têm origens irlandesas, além de 14 milhões de britânicos e sete milhões de australianos, enquanto os habitantes da ilha são pouco mais de seis milhões. Em honra à comunidade irlandesa da cidade, a catedral católica de Nova York é dedicada a São Patrício.


QUADRADO.png  S Ã O   P A T R Í C I O

Pouco se sabe da vida de Patrício, sendo controverso seu país de nascença. Alguns acreditam ter sido no País de Gales, outros na Escócia ou Irlanda. Fato certo é que São Patrício é o padroeiro da Irlanda, e a festa, que dura quase uma semana, acontece em homenagem a ele – teoricamente, foi no dia 17 de março que ele morreu. São Patrício foi um bispo nascido em 387. Conhecido por catequizar muitos irlandeses, costumava usar o trevo de três folhas para explicar o que era a Santíssima Trindade. O símbolo é profundamente ligado à cultura irlandesa, muito católica e também bastante supersticiosa até os dias de hoje. Do trevo veio também a cor verde, que representa o país.


QUADRADO.png  A  T R A D I Ç Ã O   D A  F E S T A

As festas em homenagem ao santo ficaram mundialmente conhecidas e hoje são cada vez mais replicadas em várias cidades do mundo. Na Irlanda, a concentração maior acontece na capital Dublin, embora Belfast, capital da Irlanda do Norte, também festeje a data.

O Dia de São Patrício, além de uma comemoração católica, é uma representação concreta da cultura irlandesa, que se orgulha de suas bebidas – a cerveja Guinness é a principal representante, mas o país produz também o uísque Jameson, a cidra Bulmers e o licor Baileys. Muitos bares típicos irlandeses, ou mesmo os estabelecimentos comuns, não se esquecem da data. As comemorações incluem a venda de camisetas, chapéus, óculos e até mesmo uma cerveja verde – coisa de quem é de fora, já que na Irlanda tudo é verde, menos a cerveja, que é sempre escura.

Alguns países iluminam construções e prédios famosos com luz verde em homenagem ao padroeiro irlandês. No Canadá, até as águas da Niagara Falls ficaram verdes há alguns anos


QUADRADO.png  S Í M B O L O S

  • Trevo: inicialmente foi utilizado por São Patrício como uma simbologia da Santíssima Trindade, sendo depois associado ao nacionalismo do povo irlandês. Era uma folha considerada sagrada pelos antigos celtas.
  • Cor verde: está diretamente relacionada com o uso do trevo como símbolo da Irlanda.
  • Cruz celta: criação de São Patrício, que para converter celtas irlandeses em cristãos, uniu a tradicional cruz solar (símbolo importante para o povo Celta) com a cruz cristã.
  • Leprechaun ou duende: figura mitológica da Irlanda, , é conhecido como um pequeno homem de roupas verdes, olhar simpático e um cachimbo na boca.

NOVOBANNERGRANDETORNESEUMPARCEIRO.png


Deixe uma resposta